quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Carnaval-Parte II

Mesmo no meio de todas aquelas mascaras ,era so seu rosto que enxergava.
Mesmo com tanta musicas e botuques ,so tua voz eu ouvia.
Nem mesmo com toda a festividade ,não fui capaz de te esquecer.

Um comentário:

  1. Ficou com a ilusão do carnaval o resto da vida.

    ResponderExcluir

Seu comentario é muito importante com ele podemos caminhar no ciclo dos Vicios Poeticos ,não deixe de fazer parte!